sábado, 10 de março de 2018

´Cat issues'

De entre a minha pequena matilha possuo um gato com um problema específico com a caixa da areia, 11 anos depois de partilhar a casa com ele persiste em executar a mesma paranóia quando o assunto envolve a dita caixa.
Reflete-se num problema existencial muito grave, até já ponderei se a mesma não estaria assombrada (mas troquei a caixa e a paranóia continua).
E em que consiste este desarranjo psicológico?
O animal desloca-se à caixa para fazer as suas necessidades líquidas (o n.º1 como dizem as crianças) e executa o serviço já com a cabeça e uma pata fora da caixa, pronto para arrancar em sprint a qualquer instante. 
E ele arranca mesmo em sprint cozinha fora... tem dias que acho que ele nem acabou o serviço por completo.

Sem comentários: