sábado, 24 de dezembro de 2016

Doente

Passo um ano inteiro a lidar com "cenas" (adoro usar esta palavra) realmente graves e aguento-me impávida e serena como se não fosse nada comigo, mas basta apanhar um bocado de frio e bater um pouco os dentes para me atacar uma febre daquelas de meter um gigante de cama até ao Ano Novo.

Sem comentários: