quarta-feira, 30 de novembro de 2016

The return

6 meses depois chego à malfada altura da minha agenda em que um "post it" amarelo me amaldiçoa e influencia a minha alegria tão característica e a torna um bocado mais negra.
6 meses depois tenho que retornar ao hospital.
Novos exames, novas consultas, os nervos são sempre os mesmo e o cabelo nunca deixou de cair como prometeram.
Trago recados vindos de outros especialistas que me têm acompanhado noutros pequenos assuntos e a quem uma doença genética é o primeiro historial que tenho que desenrolar, trago cumprimentos e atenções especiais.
Trago borboletas na barriga...

terça-feira, 29 de novembro de 2016

2017 vai ser "the force be with you"



Eu acho que o meu irmão depois de ter feito 30 não deve ter intenções de completar a caderneta de cromos... vou usar na minha agenda do ano que vem.
Temos pena!

domingo, 27 de novembro de 2016

Music for my soul



Morreu mais uma colega minha e ainda não consegui fazer o seu luto.
A dor ainda está para vir aqui mascarada na minha vida agitada, que vem ao de cima sempre que vejo fotos dos seus filhos pelas redes sociais e quando esta música toca na rádio.
Porque tudo parece me fazer lembrar de ti mas para mim, 14 anos de amizade, nunca poderão acabar assim.

sábado, 26 de novembro de 2016

...

Corto a franja com a tesoura da cozinha, refugio-me nos livros quando havia era de socializar, passo a hora de almoço sentada no alcatrão a ver um adolescente a treinar acrobacias numa mota e ele não se importa com a minha presença.
Há dias que não assento na pele que visto.
Cresci demais por foram, esta pele não me pertence e estas rugas marcam acontecimentos a mais para a idade que tenho.
Há dias em que me sinto como nos meus 16... ansiosa, problemática e desencaixada.

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Tooth Fairy






Há segunda é de vez, e agora a mais velha choraminga porque a caixa de dentes da irmã ficou muito mais gira!
E honestamente pintar em madeira nunca me tinha corrido tão bem em todos os sentidos, desde primário ao verniz.
Brevemente vai estar disponível por encomenda na Loja Online do Cantinho dos Miaus porque é um mimo para se oferecer aos nossos mais pequenos "desdentados"! 

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Urgente - Precisa-se

Preciso com urgência " Manual como lidar com uma adolescente!"

Quando eu mal me consigo perceber a mim própria é de cortar os pulsos viver com uma adolescente.

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

15/2016

Título: Lua Nova
Autor: Stephenie Meyer
Pontuação: 5*

"Para Bella Swan, existe algo mais importante do que a própria vida: Edward Cullen. Porém, estar apaixonada por um vampiro é ainda mais perigoso do que alguma vez poderia ter imaginado. Edward já salvou Bella das garras de um vampiro maléfico, mas agora, à medida que a sua destemida relação ameaça tudo o que se encontra por perto e todos os que lhes são queridos, eles apercebem-se de que os seus problemas podem estar apenas a começar... " retirado de wook.pt


Para mim...
“I honestly have no idea how to live without you.” 

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

@joana.prista


O início e rebolava de contente.
Próximo passo "Quero uma máquina fotográfica só para mim!"
Quanto a mim, mais uma promessa cumprida.

sábado, 19 de novembro de 2016

Injustiça

Onde está o livro de reclamações?
Ser excluída de poder participar em inquéritos online porque ou não compro pão de forma e bolachas de água e sal ou porque não adquiro contraceptivos.
F***-se!!

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Candy man

A Beatriz na árdua tarefa de efetuar a separação dos caixotes do lixo do escritório para a reciclagem, neste caso o do Hugo...

"- Papel de rebuçado.
 - Papel de rebuçado.
 - Papel de rebuçado.
 - Papel de rebuçado...
 - Pai papa rebuçados!"

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Say "Shawn"


Partilhar o pc é demorar quase 1h a decidir um wallpaper que satisfaça ambas as partes intervenientes.
Shawn Mendes foi a nossa pequena zona neutra e porque aqui se decidiu...

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Continuo com ar de perdida aos 36?

Quando era jovem e inconsciente era frequentemente abordada, nas ruas de Leiria, por aquelas velhotas queridas que espalham a palavra da religião que professam (vulgo "testemunhas de Jeová").
Num grupo enorme de jovens elas vinham só ter comigo, até que conclui que deveria ter um ar de quem andava perdida espiritualmente e necessitava de ajuda urgente para encontrar o caminho.
Passaram quase 18 anos desde esses tempos e uma noite, entre afazeres domésticos, entro no quarto de uma das minhas filhas e estão as duas sentadas na cama de terço nas mãos.
Devo ter feito tal expressão de espanto que nem foi preciso perguntar:

- "Mãe, estamos a rezar por ti e pelo pai."

Disse-lhe para continuarem que estavam a fazer um excelente trabalho, fechei a porta e pedi ajuda aos Deuses todos que me lembrei.

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Filmografia



Título: Capitão América: Guerra Civil
Ano: 2016
Género: Fição / aventura / ação
Duração: 2h27 min.
Realização: Anthony RussoJoe Russo
Vozes: Chris EvansRobert Downey Jr.Scarlett Johansson 
Ratings: 8.0/10


"Steve Rogers lidera a recente equipa formada de Os Vingadores, num esforço contínuo de salvaguardar a humanidade. Mas após outro incidente envolvendo a equipa resultar em danos colaterais, aumenta a pressão política para se instalar um sistema de responsabilização, dirigido por um membro do governo, para supervisionar e dirigir a mesma. O novo status quo divide Os Vingadores, criando dois campos - um liderado por Steve Rogers e pelo seu desejo de manter Os Vingadores livres para defenderem a humanidade sem interferência do governo e o outro por Tony Stark, que toma a decisão surpreendente de apoiar a supervisão e responsabilidade do governo." retirado de mag.sapo.pt


Para mim...

Uma autêntica javardice, foi o que foi.
Até o Hugo se assustou quando eu gritei "Olha um homem-gatinho!"
Homem de ferro, homem aranha, homem formiga, soldado de inverno, viúva negra, falcão, máquina de guerra, gavião arqueiro, pantera negra, visão, feiticeira escarlate, ossos cruzados, barão zemo...

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Pray

"- Senhor porque me abandonaste?
- Estava muito ocupado a tentar matar o outro!"

Agora imaginem que esta conversa se passou num local de trabalho entre dois subordinados e o "outro" quem sabe se não era uma chefia.

(private joke)

domingo, 13 de novembro de 2016

Music for my soul



Pitch Perfect - 2012

Ainda agora vemos como se fosse a primeira vez...impacientes à espera das cenas do "vómito"!


sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Humildes pedidos

Mesmo com erros e tudo encontrar este pedido de desculpas em cima da mesa depois de um castigo sabe sempre bem!
E pediu se faz favor e tudo!
A Bia a dar ares da sua graça...

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Mãe versus filha

Ser mãe de uma adolescente é das maiores aventuras deste Universo, do seguinte até ao próximo planeta habitado.
Quando chegamos a um ponto de coabitação em que se torna literalmente impossível partilharmos a mesma máquina fotográfica e perdermos mais tempo a dividirmos as fotos no pc em pastas pessoais do que literalmente a usufruirmos delas decisões têm que ser tomadas.

Ela ameaça que veste a minha roupa, eu consigo efetivamente vestir a dela!
Eu vou cozinhar e ela literalmente abanca de armas e bagagens na cozinha e obriga-me a dividir tarefas.
Ela passa a ferro e deixa-me "algumas peças".
Ela reclama que os outros habitantes cá de casa aspiram mal.
Ela prepara o pequeno-almoço, lanches e se mais houvesse mais ela preparava.
Ela pede-me a chave do carro quando eu passo algum sitio de estacionamento que considero complicado.
Ela paga as coisas dela...

Posto isto estamos em fase de entrar numa relação com separação de bens, máquina fotográfica dela e a criação de um Instagram só para ela... porque ganho cabelos brancos a cada comentário "Essa foto fui eu que tirei!".

E que vença a melhor!

sábado, 5 de novembro de 2016

Auto-flagelacão

Nada descreve melhor que uma ida ao Continente num fim-semana com 50% desconto nos brinquedos.
Eram precisamente 11h e enquanto eu subia nas escadas rolantes passavam por mim carrinhos tão cheios de caixas e caixinhas de brinquedos que os condutores tinham que se meter em bicos dos pés para os conduzir.
Eu não estava minimamente preparada para o que me esperava.
Hienas de volta de uma caraça, recentemente falecida, de um elefante.
A imagem que guardo da seção dos brinquedos era de uma guerra ou de um campo de refugiados aquando da distribuição de água potável.
Prateleiras vazias...
Qual gazela saltei por cima de uns quantos seres humanos e num salto digno de registo no Livro do Guiness saquei de uma Nancy e fugi dali com todas as forças que ainda tinha.
Os 50% não compensam viver aquilo.
Preferia usar um cilício o fim-semana todo e auto-chicotear-me.



sexta-feira, 4 de novembro de 2016

[ silêncio é o melhor ]

(aula de Inglês do 4.º Ano)
"- Professora o que quer dizer "nuts"?
- Nozes ou maluco.
- Não é isso que a minha mãe diz..."


E ainda tem a lata de me contar...

quinta-feira, 3 de novembro de 2016

14/2016


Título: Crepúsculo
Autor: Stephenie Meyer
Pontuação: 5*

"A respeito de três aspectos, eu estava absolutamente segura. Em primeiro lugar, Edward era um vampiro. Em segundo lugar, uma parte dele - e eu não sabia qual era o poder dessa parte - ansiava pelo meu sangue. Por fim, em terceiro lugar, eu estava incondicional e irrevogavelmente apaixonada por ele." retirado de wook.pt


Para mim...
A última vez foi há 4 anos.
Precisei de leitura de conforto e esta saga sempre conseguiu distrair-me dos meus pensamentos mais profundos.
Chegou a hora de rever os meus vampiros preferidos mais uma vez, tudo porque "Edward sparkles".

quarta-feira, 2 de novembro de 2016

Carta aberta a Alex Vantrue

Alex, o meu muito obrigado por tornares as minhas viagens de carro em família um autêntico concerto a várias vozes e em "repeat".
Já lá vão os doces tempos em que uma criança dormia, outra refletia sobre a vida, enquanto eu também conseguia refletir e perder-me nos meus pensamentos com algum tipo de música como som de fundo interrompida por breves comentários sobre a vida, paisagem e as vacas.



Desde Maria Leal a Lady Gaga, passando por Dina, Marco Paulo e Clemente literalmente fui obrigada a decorar as letras todas porque cheguei a ouvir 10 vezes numa só viagem.
Mas não penses que denigro o teu trabalho, muito pelo contrário, só mesmo tu para me fazeres meter como toque de telemóvel os Dialectos de Ternura.
Para quando mais versões com músicas do Festival da Eurovisão da Canção? Como "Chamar a Música" ou "Não sejas mau para mim"?