quinta-feira, 21 de abril de 2016

Filmografia - rescaldo ainda do fim-semana

Descanso! Este foi o descalabro...



Título: As pragas
Ano: 2007
Género: Ação / Horror
Duração: 1h39 min.
Realização: 
Stephen Hopkins
Intérpretes:  Hilary SwankDavid MorrisseyAnnaSophia Robb
Ratings: 5.7/10

"Katherine Winter (Hilary Swank) é uma ex missionária cristã que perdeu a sua fé depois de a sua família ser tragicamente assassinada e tornou-se desde então numa perita de renome mundial em desmascarar supostos fenómenos religiosos. Mas quando ela investiga uma pequena cidade do Louisiana que está a sofrer do que parecem ser pragas bíblicas, ela compreende que a ciência não pode explicar o que está a acontecer e que tem de recuperar a sua fé para combater as forças negras que ameaçam a comunidade." em cinema.ptgate.pt

Para mim...
Baseado nas míticas pragas bíblicas do Egipto este filme em tudo deixa a desejar.
Incoerente, as cenas de terror roçam o ridículo, um filme completamente desprovido de sentido.
A maior perda de tempo do fim-semana.



Título: Home: a minha casa
Ano: 2015
Género: Animação / comédia / aventura
Duração: 1h34 min.
Realização: 
Tim Johnson
Intérpretes:  Jim ParsonsRihannaSteve Martin
Ratings: 6.7/10

"Num futuro não muito distante, o planeta Terra é invadido por uma raça alienígena chamada Boov. Apesar de bem-intencionados e relativamente amistosos, os Boov pretendem um novo sitio para morar. Por esse motivo, todos os humanos são capturados e transferidos para um lugar deserto. Mas quando Tip, uma rapariga valente e destemida, consegue escapar, vê-se acidentalmente a braços com um aliado incomum: um pequeno Boov expatriado pela sua própria raça, de nome Oh. Apesar de inicialmente relutante em fazer-se à estrada com aquele estranho ser, Tip percebe que a única maneira de conseguirem escapar é unirem esforços – e conhecimentos interplanetários –, numa demanda que não determinará apenas a sua sorte, mas a de todos os envolvidos…." em cinecartaz

Para mim...
Animação é sempre uma animação.
Considerado um dos melhores filmes de animação de 2015 nos BIFF Awards e da melhor voz, Rihanna, pela Black Reel, nada ficou a dever também em efeitos especiais, humor e soundtrack.
A história do Oh reflete-se em muito na sociedade dos dias de hoje em que muitos tentam fazer de tudo para se encaixar e simplesmente não encontram o "seu lugar"!
Mas o nosso lugar é onde está o nosso coração.
E assim ficou escolhido o nome do próximo gato que venha viver cá para casa: Porco.



Título: Mad Max: Estrada da Fúria
Ano: 2015
Género: Ação / aventura / fição
Duração: 2h
Realização: 
 George Miller
Intérpretes:   Tom HardyCharlize TheronNicholas Hoult 
Ratings: 8.1/10

"Perseguido pelo seu turbulento passado, Mad Max acredita que a melhor forma de sobreviver é não depender de mais ninguém para além de si próprio. Ainda assim, acaba por se juntar a um grupo de rebeldes que atravessa a Wasteland, numa máquina de guerra conduzida por uma Imperatriz de elite, Furiosa. Este bando está em fuga de uma Cidadela tiranizada por Immortan Joe, a quem algo insubstituível foi roubado. Exasperado com a sua perda, o Senhor da Guerra reúne o seu letal gang e inicia uma impiedosa perseguição aos rebeldes e a mais implacável Guerra na Estrada de sempre." em mag.sapo.pt

Para mim...
Melhor filme visto até agora!
6 óscares de melhor edição, guarda-roupa, caracterização, mistura de som, edição de som e design.
Tom Hardy no papel principal, o eterno e famoso Max que por curiosidade (e foi apontado pela Joana que também já começa a colecionar conhecimentos) usou no papel de Bane em "O Cavaleiro das Trevas Renasce" uma máscara na cara.
O papel da Furiosa foi surpreendente, uma mulher criada para sobreviver a todo o custo e contra todos que decide seguir um sonho de criança.
E o Nicholas Hoult foi o papel surpresa, cá por casa chamado de "Zombie fofinho" pelo seu papel em "Sangue Quente" muitas vezes visto cá em casa, desempenhou um papel de louco e sexy ao mesmo tempo.
Uma excelente produção musical pelas mãos de Tom Holkenbore.

Sem comentários: