terça-feira, 12 de março de 2013

Uma coisa de promessas

Não sou crente de grandes coisas mas há uns 2 anos prometi uma vela à Nossa Senhora de Fátima (do meu tamanho) se algo que eu queria acontece-se.
Como sou pessoa de pedir e ter, aconteceu.

Como o tempo foi passando achei que estava mais que na hora de cumprir a promessa antes que me caísse um raio em cima ou fosse engolida por um buraco na terra, desloquei-me ao local para ir adquirir a dita e cumprir assim a promessa já quase passada de validade.
E até nestas situações se aprende que nisto das promessas os santos são esquisitos.
Pelos vistos a Nossa Senhora de Fátima não aceita pagamentos abaixo do prometido, neste caso eram 3 cm de vela...
Ia eu toda lampeira com uma vela de 1,60m na mão e levei uma chamada de atenção que promessas ou era do tamanho exacto ou mais (não se pode ficar a dever).
Ora limparam-me mais uns cêntimos e lá fui eu, cabisbaixa, a arrastar uma vela de 1,70cm porque não queria que a Santa me mete-se na lista negra.
Parece que um jovem à minha passagem questionou-se: Para quê uma vela tão grande?

Se eu tivesse ouvido tinha respondido... "se tivesses a minha vida sabias!"

Ora paguei a promessa e estou em crédito com 7cm de vela, quem quiser aproveitar é só dizer!

foto retirada daqui

Sem comentários: