sábado, 31 de março de 2012

Eu experimentei



Nunca fui muito dada a modas ou experimentar as novidades todas, mas confesso que mal vi esta na televisão no dia seguinte fui comprar.
Hoje com a tarde livre tratei de experimentar e não gostei.
Já experimentei vários tipos de cera, desde quente a fria e de várias variedades e esta simplesmente desiludiu-me.
Muito difícil de espalhar mesmo após de 30 minutos a aquecer, não arranca os pêlos nem à 3.ª passagem, as bandas ficam inutilizadas após uso e os restos de cera são dificeis de tirar da pele.

Anda por aí mais alguém que tenha usado? Opiniões, please!


quinta-feira, 29 de março de 2012

Alguém me explica?

Como é que um carro arde numas portagens?

Nem é o fato de ser numas portagens, mas sim o fato de ele arder assim qual combustão espontânea...

quarta-feira, 28 de março de 2012

Filmografia





Título: Imortais
Ano: 2011
Género: ação/drama/fantasia
Duração: 110 min.
Realização: Tarsem Singh

Vozes:    Henry Cavill, Mickey Rourke e John Hurt
Ratings : 6.2/10

Anos depois da Titanomaquia, o Titã Hiperião  declara guerra a humanidade. Ele procura o Arco de Épiro, uma arma lendária criada pelo deus do submundo Hades, que lhe permitirá libertar o resto dos Titãs do Tártaro e vingar-se dos Deuses olímpicos, que provocaram sua queda. De acordo com as leis antigas, os deuses são incapazes de tomar um lado na guerra entre Hiperião e a humanidade. Então um camponês chamado Teseu , escolhido por Zeus  e acompanhado pela sacerdotisa Fedra  e um escravo, lidera seus homens para proteger sua terra natal e salvar os deuses. (Wikipédia)

Para mim...
Um fantástico filme de fantasia, ação, mitologia grega (que adoro) e visto a 3 foi ainda melhor. 
Com a incrível participação de Kellan Lutz como o deus Poseidon, só para adocicar um bocado mais e enervar o gajo.
Porque raios partam dos vampiros agora estão em todo o lado!

terça-feira, 27 de março de 2012

Black angel

Hoje dei por mim a olhar pela janela para a rua e a nada ver, simplesmente perdida.
Ando negra, soturna, mal-humorada, contrariada, rezingona, e remantando graciosamente, cansada.

Não pego na minha máquina fotográfica há imenso tempo só pelo simples prazer de tirar uma foto, não vou caminhar só pelo simples prazer de sentir o vento a bater na minha cara e a música na minha cabeça...
Mais uma vez sinto que faço demasiadas coisas que gosto ao ponto de serem uma obrigação que não me deixa respirar e me faz andar stressada comigo própria.
Admito que não sei dizer a palavra mágica "não", nunca fui boa nisso de delegar, nunca fui boa em coisa nenhuma, simplesmente fui.



Hoje se escolhe-se uma foto minha esta descreve em toda a sua composição o meu "eu", o meu anjo no crepúsculo a ser invadido por uma nuvem negra que em nada define o meu ser.

sábado, 24 de março de 2012

[[REVOLTADA]]

Quanto mais tempo vivo e socializo com este planeta mais odeio as pessoas e gosto mais dos animais...
Por vezes dá-me vontade de berrar o quanto este mundo funciona mal, quanto as pseudo-pessoas se escondem por detrás de nomes que apregoam significar alguma coisa, mas no momento da verdade negam-se.
Ontem encontrei um cão em plena cidade a morrer. Perguntei a algumas pessoas que estavam por perto se o cão lhes pertencia, no mesmo momento todas se foram embora.
Após 1h de telefonemas, alguns sucedidos e outros nem por isso, acabei por falar com a polícia e mais serviços que supostamente deveriam dar seguimento ao assunto nada feito, vários números de associações que se dizem protetoras dos animais mas que nunca atendem ou estão indisponíveis e que no final acabaram por chamar os serviços municipais para recolher o animal para o canil municipal.
Não vou aqui enunciar nomes porque vivo numa terra pequena, mas queria elogiar as únicas duas pessoas de uma associação protetora, a qual já tive oportunidade de ajudar, que foram as únicas solidárias com a minha causa tentando ajudar à distância.

Hoje sinto-me a pior pessoa do mundo!

Porque ao fim de 1h de contatos, ter tentado carregar o animal para o carro para o levar a um veterinário e não ter conseguido e hoje estou aqui e não sei o que lhe aconteceu... porque hoje ninguém atende chamadas!

Ás pseudo-pessoas que se escondem por detrás de nomes de associações que apregoam fazer e defender algo só tenho uma coisa a dizer "Deus não dorme!", eu não me vou esquecer e vou fazer tudo o que estiver ao meu alcance para vos destronar desse pequeno mundinho!

quarta-feira, 21 de março de 2012

Dia Mundial da Poesia

NÃO SEI SER TRISTE a valer
Nem ser alegre deveras
Acreditem: não sei ser.
Serão as almas sinceras
Assim também, sem saber?
Ah, ante a ficção da alma
E a mentira da emoção
Com que prazer me dá calma
Ver uma flor sem razão
Florir sem ter coração!
Mas enfim não há diferença.
Se a flor flore sem querer,
Sem querer a gente pensa.
O que nela é florescer
Em nós é ter consciência.
Depois, a nós como a ela,
Quando o Fado os faz passar,
Surgem as patas dos deuses
E a ambos nos vêm calcar.
‘Stá bem, enquanto não vêm,
Vamos florir ou pensar.

3-4-1931
in Obra Essencial de Fernando Pessoa – Poesia do Eu , edição Richard Zenith, Assírio & Alvim

terça-feira, 20 de março de 2012

Bola...



Estou com o jogo Benfica-Porto como barulho de fundo...
Tentei fazer aqui negócio às custas do jogo de modo a minimizar os meus danos psicológicos causados por ele mas não fui bem sucedida.
Basicamente resumia-se a: por cada golo marcado pelo Benfica era uma semana que ele lavava a loiça todos os dias.
... podia ser que assim ele se contive-se cada vez que houvesse um golo da equipa vermelha.

segunda-feira, 19 de março de 2012

Uma proposta para novas vertentes da psicologia

Depois de um fim-semana em que só fiz foi trabalhar, hoje levantei-me e sai de casa mais cansada do que quando entrei na 6.ªfeira.
Passei o dia contrariada e com uma vontade enorme de atear o fogo a qualquer coisa...

Mas adiante, hoje queria falar sobre uma nova vertente da psicologia que devia ser explorada porque tem tudo para ser um sucesso.
Deveria ser criada uma especialização para haverem psicólogos suficientes para acompanhar todas as pessoas por este mundo que nunca conseguiram ultrapassar o casamento.
Não falo aqui dos divorciados e viúvos, mas sim dos que estão efetivamente casados mas nunca ultrapassaram o dia do casamento, aqueles que ao fim de de mais de 6 anos ainda continuam com a foto do dia como de perfil no facebook e em outras redes sociais, aqueles que têm a casa cheia de fotos do dia e ainda falam dele em qualquer conversa a que o assunto se proponha (ou não).

A essas pessoas tenho uma questão: será que nunca tiveram um dia mais feliz do que aquele?
É que se não, a vossa vida de casado dever ser mesmo uma tristeza, aconselho o divórcio e um psicólogo.

E prontos, já me sinto mais leve!

sábado, 17 de março de 2012

Rock in Rio: eu vou... com o Continente




Há uns anos perguntaram-me qual a banda que eu gostaria de ver ao vivo, respondi os Smashing Pumpkins, fui gozada porque a banda já não estava junta.
A esses filhos da p*** só digo que se esqueceram que quem ri por último ri melhor... e eu vou rir até me doer a barriga!

quinta-feira, 15 de março de 2012

Coisas de Feng Shui


- Não dormir com os pés voltados para a porta;
- Não dormir com a cabeceira da cama encostada à parede do wc;
- Não dormir com a cabeceira da cama encostada a uma parede que tenha janela...

Ora se eu só consigo dormir com a cabeceira da cama voltada para Norte, deixo de cumprir as regras aí a cima que raio faço à cama?
Acho que vou deitar tudo fora o que tenho no quarto, arranjar uns colchões e meter no chão, com umas carpetes, velas e iluminarias e cada um dorme virado para onde quer...

quarta-feira, 14 de março de 2012

Someone, please!

Anda por aí alguém perito em "línguas mortas", mais propriamente latim?
Preciso de um favorzinho...

terça-feira, 13 de março de 2012

A afinar os dentinhos de vampiro

Devo ser das poucas pessoas à face da terra que nunca teve uma dor de dentes em toda a sua existência e que mais vezes vai ao dentista ... e sai de lá com dores.

Começo a desconfiar que devo ter uma veia sadomasoquista!

Depois de uma tarde passada a babar no trabalho por dores no maxilar e a cara dormente aguardo empolgada pela próxima consulta daqui a 2 semanas.


segunda-feira, 12 de março de 2012

Dias


Alguém -"Vou bem, vou com Deus!"

Eu - "Eu cá prefiro ir sozinha, não gosto de trazer pessoas estranhas no carro..."


(o chefe desmanchou-se a rir)

sexta-feira, 9 de março de 2012

Dilemas existências

Típicos de uma rapariga de meia idade como eu, ainda mais numa 6.ª feira ao final da tarde depois de uma semana de muito trabalho.
A estupidez apoderou-se da minha mente e assaltou-me o dilema existencial: se finalmente ganho vergonha e compro uma escova de cabelo ou continuo a cortar os nós...

quinta-feira, 8 de março de 2012

Filmografia


Título: Puss in botts
Ano:
2011
Género:
animação / aventura / comédia
Duração:
90 min.
Realização:
Chris Miller
Vozes:   Antonio Banderas, Salma Hayek e Zach Galifianakis
Ratings : 6.8/10

"O Gato das Botas, uma das mais aclamadas personagens do universo Sherk, conta a hilariante e corajosa (brava, valente, audaz) fábula das primeiras aventuras de Gato, quando em conjunto com o génio Humpty Dumpty e a astuta Kitty Patas Fofas, tentam roubar o célebre Ganso que põe Ovos de Ouro. " TRAILERS.COM

Para mim...
Divinal! Tem gatos com personalidade, um ovo com pernas e outros de ouro!
Uma mistura de várias histórias da minha infância com o incrível gato de Sherk.

quarta-feira, 7 de março de 2012

Leituras de prateleira



Alexander Cold, a sua avó Kate e Nadia Santos, os protagonistas de A Cidade dos Deuses Selvagens, voltam a reunir-se neste segundo livro.
A estátua do Dragão de Ouro permanece oculta num pequeno e misterioso reino, escondida na Cordilheira dos Himalaias. Segundo reza a lenda, este magnífico objecto, um poderoso instrumento de adivinhação incrustado de pedras preciosas, guarda a paz destas terras, desvenda-se também o valor e a simplicidade dos ensinamentos budistas através do lama Tensing, mestre e guia espiritual de Dil Bahadur, o jovem herdeiro do reino, a quem guia pelo caminho do budismo e dá a conhecer o valor da compaixão, da natureza, da vida e da paz.
Foi o primeiro livro que li da autora e a primeira reacção que tive foi ver se tinha mais algum dela na minha colecção e com muita pena minha descobri outro.
Apesar de não ter lido o primeiro livro da aventura destas três personagens não gostei da escrita da Isabel Allende no geral, achei enfadonha. 
Fico com a esperança que esta minha opinião sobre a autora mude quando ler o outro livro que possuo dela, uma vez que é uma história completamente diferente do género deste livro.

Do livro retirei um excerto que me ficou na cabeça:

"A mudança deve ser voluntária, não imposta. [...] Todos podemos mudar, mas ninguém pode obrigar-nos a fazê-lo. A mudança costuma efectuar-se quando enfrentamos uma verdade inquestionável, alguma coisa que nos obriga a rever as nossas crenças."

terça-feira, 6 de março de 2012

A little piece of me

Já me acusaram de me expor aqui, a eles só tenho a dizer que nunca escrevi nada que me arrepende-se, que directamente me afecta-se ou que fosse mentira.
Isto é uma pequena extensão da pessoa que sou, do quanto posso divertir os outros com a minha maneira tão peculiar de ver as coisas ou simplesmente mostrar outros pontos de vista para situações tão banais do nosso dia-a-dia. 

Eu sou isto e isto sou eu!

Todos sabem que tenho problemas de saúde, quem me segue mais de perto sabe que só recentemente consegui atingir um ponto aceitável de qualidade de vida, graças a uma mudança no estilo de vida e a adopção da medicina tradicional como principal opção.

O que muitos não sabem é que faço parte do grupo de risco de vir a sofrer de cancro da mama, muita gente nem gosta que se digam/escrevam tais palavras.
Não tenho qualquer problema em o confessar/ escrever... cresci com a noção exacta da doença, já lidei de perto com a ela e não há dia que não recorde as últimas palavras dela da última vez que a vi antes de morrer: 
"És tudo e tens tudo o que sempre desejei para mim" sentadas as duas no muro numa tarde soalheira em que eu tentava ainda assimilar o seu aspecto magro e franzino, o seu cabelo raro, e na altura encaracolado, e tentava engolir a vontade de chorar. 
Se não me falha a memória ela morreu antes sequer de ter feito 30 anos.

Agora eu, a escassos passos de fazer 32 e após os recentes exames médicos estou um pouco mais perto do mundo dela e apenas tenho um pensamento que o quer que seja que o destino me reserve que apenas me dê tempo para eu me cumprir...

segunda-feira, 5 de março de 2012

Filmografia

Este fim-semana fez-me recordar os fins-semana de antigamente... repletos de cinema!






Título: Ghost Rider: Spirit of Vengeance
Ano: 2012
Género: acção / fantasia / suspense
Duração: 95 min.
Realização: Mark Neveldine, Brian Taylor
Intérpretes:Nicolas Cage, Ciarán Hinds e Idris Elba
Ratings : 5.1/10

"Em constante luta com a maldição que carrega consigo, escondido numa zona remota da Europa Oriental, Johnny é recrutado por uma seita secreta da Igreja para salvar um rapaz do demónio. No início, Johnny está relutante em abraçar o poder do Ghost Rider, mas esta é a única forma de proteger o rapaz e, possivelmente, de se livrar para sempre da maldição." LUSOMUNDO

Para mim...
De todos os filmes que já vi em 3D este foi o primeiro que realmente gostei dos grafismos.
A história em si desiludiu-me, especialmente o final que foi muito repentino e sem a emoção de todo o resto do filme.
Espero que eles fiquem por aqui e não pensem em criar um 3.º filme para dar seguimento a esta saga. 





Título: Amigos Coloridos
Ano: 2011
Género: comédia / romance
Duração: 109 min.
Realização: Will Gluck
Intérpretes: Mila Kunis, Justin Timberlake e Patricia Clarkson
Ratings : 6.6/10

"Jamie , uma jovem e atraente nova-iorquina, convence Dylan a deixar Los Angeles e aceitar um emprego irrecusável na revista "CQ", em Nova Iorque. Com praticamente tudo em comum, eles rapidamente se tornam amigos inseparáveis. Assim, fartos de relações emocionais desgastantes que acabam tragicamente, aproveitam a atracção física que os aproxima e resolvem seguir o caminho aparentemente mais simples: uma relação de amizade genuína com o acrescento de sexo, sem compromissos nem complicações. Tudo parece correr na perfeição até ao momento em que ambos se apercebem o quão difícil pode ser gerir o sexo sem emoções e as emoções sem sexo". PÚBLICO

Para mim...
Honestamente acho que nunca teria visto este filme se a companhia não tivesse sido feminina, a conjugação de comédia com romance sempre me aterrorizou e o facto do Justin Timberlake ser um dos actores principais estava a baixar o rating deste filme na minha lista.
Apesar de tudo demonstrou-se ser um filme divertido,  com a inevitável parte lamechas do final, sem tabús e acho que recrearam bem as relações dos nossos dias.
A actuação do Justin surpreendeu-me, muito melhor que o pequeno papel (e mau) em "A professora baldas".




Título: Killer Elite - O confronto
Ano: 2011
Género: suspense / acção / crime
Duração: 116 min.
Realização: Gary McKendry
Intérpretes:  Jason Statham, Clive Owen e Robert De Niro
Ratings : 6.5/10

Quando o seu mentor é cativo por se recusar levar a cabo uma missão o ex aposentado do  Serviço da Grã-Bretanha Air Elite Especial é forçado a entrar em ação. A sua missão: matar 3 assassinos do filho de um grande líder, todos eles ex membros da SAS.

Para mim...
Jason Statham será dizer muito?

domingo, 4 de março de 2012

Aviso à navegação

Querem saber o que me faz trazer os nervos à flor da pele em poucos segundos? 
O que me faz andar enraivecida durante uns dias? 
Não é que me miem na rua, isso até já estou habituada... nem atender o telefone no trabalho e do outro lado perguntarem se é a Gabriela da Gata da Lua ou do Cantinho dos Miaus... 

É oferecerem-me ramos de flores...


Ainda está para nascer a pessoa que me consiga explicar o que tem entre as duas orelhas outra pessoa que vai gastar dinheiro a comprar ramos de flores para oferecer. 
É o acto de maior inutilidade de dinheiro que conheço, porque um ramo de flores não é mais que matar plantas que ao fim de uns dias vão começar a secar mesmo que as tenhamos em água. 
Para quê gastar dinheiro numa porcaria que vai para o lixo? 
E aviso ainda, nunca dêem ramos de flores a alguém que odeia ramos de flores e que ainda por cima tenha gatos... isso é o cúmulo dos cúmulos!
Não há nada pior que acordar de manhã, a saber que vai ter que dar de caras com um ramo de flores, e deparar-se com água por todo o lado, a jarra no chão e flores desfeitas pela casa, é de tirar a paciência a qualquer Santo.

Posto isto e depois da semana que passou posso afirmar que estão reunidas todas as condições para eu começar a procurar ajuda psicológica.
Talvez siga o que me receitaram há uns 6 anos atrás e me vá dedicar ao yoga para conseguir domar tanta raiva junta!

sábado, 3 de março de 2012

Millennium 2 - As mulheres que odeiam os homens

Considero-me uma observadora atenta da sociedade, mais que o comum normal, e talvez por isso um tanto ou quanto mais revoltada.
Após vasta experiência e análise posso concluir que os homens de hoje em dia se dividem em 2 categorias distintas:

1. Os excessivamente simpáticos e cavalheiros
2. Os brutos e mal educados

Os primeiros primam por anular qualquer mulher física e intelectualmente, com tanto cavalheirismo e simpatia que até enjoa e faz com que muita mulher fuja de pavor após os primeiros contactos. 
Eu sou uma delas, tenho uma alergia grave a esta variedade e tento manter a maior distância possível.
Para eles a mulher é uma Deusa detentora de toda a fragilidade tal qual vaso chinês da dinastia Ming!
Não a deixam carregar nada, levantar para ir buscar algo, tentam fazer tudo o que ela tem para fazer e ainda se oferecem para fazer o que ela sequer ainda nem pensou, não a deixam abrir uma porta ou tratar de um papel numa repartição de Finanças.
Fazem, limpam, obedecem... ladram e rebolam se for preciso.
Mas não possuem a capacidade de tomar uma decisão que seja por eles e são do mais inseguro que existe à face da terra, massacram a mulher com perguntas sempre na tentativa de fazer tudo ao gosto dela.
Conhecidos por usar expressões como "Não faças...", "Não precisas...", "Queres que te..." e a terrível utilização da expressão "nós" pouco depois de se conhecerem.

A segunda categoria, irritante igualmente, procura na mulher uma extensão da mãe deles, mas perfeita em todos os aspectos.
Completamente dependentes, não sabem sequer estrelar um ovo ou fazer uma cama como manda a etiqueta.
Para eles a mulher nasce a gostar de cozinhar, limpar, tratar da roupa... literalmente ser mãe aprimorada dos filhos adultos de outras mulheres.
Mulheres que se subjuguem a  categoria anulam-se em pouco tempo e tornam-se apenas em sombras.
Estes simplesmente não entendem que uma mulher dos dias de hoje não é obrigada a gostar de cozinhar e que não está desesperadamente à procura de uma família, muitas de nós estamos bem como estamos.
Conhecidos mundialmente por usar expressões como "Se tu fosses minha...", "Tu não vais/fazes porque eu..." e envergonhar publicamente a mulher em frente a amigos e conhecidos por falta de educação.
Esta categoria eu até consigo suportar, simplesmente pelo facto que lhe podemos bater os pés e eles não fugirem a ganir ao primeiro barulho, mas até a minha paciência tem limites.




 E agora muitos de vós questionam-se:
-"Gabriela, será que denoto aí uma pequena raiva pelos homens?"

Ao que eu respondo:
- "Pequena? Não estão mesmo a ver a grandiosidade do quadro que pintei!"