sábado, 6 de agosto de 2011

E se esta vida não me chegar?


Sinto um aperto no coração como se tudo fosse acabar cedo demais e fosse ficar tanto por fazer e tanto por dizer.
E se não tiver tempo suficiente para me cumprir?
E por ironia do destino partir antes sequer de ter provado metade daquilo que sou?
E se ....

Sem comentários: