segunda-feira, 7 de março de 2011

Falando mal

Nunca gostei do Carnaval, nunca gostei de ser obrigada a mascarar-me, acho tudo uma autêntica palhaçada.
Mas mesmo assim não deixo de ver o que vai pelo nosso país neste dia e entristece-me que estejamos a ser invadidos pelo estilo de Carnaval brasileiro, com a proliferação das escolas de samba e mulheres nuas.
Estamos a perder a nossa entidade até nisto. Onde param as nossas matrafonas? Os nossos cabeçudos? As nossas sátiras à politica nacional e internacional? Opá, até o futebol?
Onde pára o nosso Carnaval?
Qualquer dia temos dragões chineses e tudo...

E por falar em palhaçadas, ironia do destino este ano o dito Dia Internacional da Mulher calha no Dia de Carnaval. Assim podem todas sair de casa mascaradas, no único diz de soltura do ano, para andarem pelas ruas tipo galinhas, encherem os restaurantes, beberem que nem uma esponjas, falarem mal dos maridos e dos filhos, irem para os bares e discotecas ver stripp e também dar em cima de alguns homens ( que neste dia safam-se sempre).
E falam de igualdade de oportunidades! Por acaso existe algum Dia Internacional do Homem? No meu calendário não.
Reitero de anos anteriores o meu sentimento sobre este dia como sendo o mais ridículo. É um bom dia para ficar em casa a ver um bom filme ou ler um bom livro, ou simplesmente não fazer nada já que tenho livres os outros 364 dias do ano.

2 comentários:

Isália disse...

e nao é so isso...com a crise que está gastar 500 mil euros ou mais no carnaval...isto é que vai cá uma crise...o que gastaram neste carnaval dava para pagar a minha casa 3x e ainda comprar um bom carro para mim e para o fernando e com sorte ainda podia ajudar a familia...mas pronto...a crise vai mesmo no nosso bloso. relativamente ao dia da mulher, nunca gostei...tal como do carnaval. é mais certo sair para ver o carnaval do que para comemorar o dia da mulher...

Gabriela... disse...

Ora falaste ainda melhor que eu!

A crise deve ser algo tão subjectivo que só ataca os nossos bolsos e não os das Câmaras Municipais que gastam rios de dinheiro neste altura.
E estou como tu, saindo neste daí só se fosse mesmo para ver um desfile de Carnaval, mal ou bem.
Jinho