segunda-feira, 4 de outubro de 2010

lover, lover



Muitas vezes refugiamos-nos em pequenos hábitos para consolar a mágoa que teima em não acalmar...
Eu refugiei-me na música e na minha cama...

Até quando irá isto durar?

Sem comentários: