quinta-feira, 9 de setembro de 2010

O tempo?

Os anos foram passando, sim já anos e as borboletas na barriga andam a começar a querer voar novamente. Talvez tenha chegado a hora de começar a tratar da papelada para iniciar o processo de adopção.

Não sei se vou poder contornar a lei, uma vez que eles pedem 4 anos de casamento mas acho que chegou a hora de começar a tratar das coisas.


Quando ser mãe de sangue não está no nosso horizonte ser mãe de coração é um valor mais alto que se levanta.


Adenda: Já não são precisos 4 anos para nada em casamentos. Para a semana já vou agendar reunião!  E seja o que Deus quiser!

11 comentários:

Poetic GIRL disse...

Querida às vezes é mais importante ser-se mãe de coração do que de sangue! Desejo-te muita sorte para esta nova etapa, ficamos a torcer por vocês! bjs

Hyndra disse...

Acho linda a tua decisão.

E sabes certamente que apesar de em Portugal haverem imensas crianças a precisar de amor e um lar a sério, o processo é mais rápido se recorreres à adopção internacional.


Eu tenho essa ideia na cabeça... de ter um filho(a) biológico(a) e um filho(a) adoptado, mas não sei até que ponto não passa de uma ideia romântica e pouco amadurecida na minha cabeça. Se algum dia me decidirei realmente a isso. Não é qualquer um que consegue. Não é fácil. É preciso responsabilidade. E ter muito amor genuíno para dar.

Parabéns :D

Isália disse...

Miga, começa ja sim, porque um ano passa depressa...

Gabriela... disse...

Estou a pensar seriamente em começar a tratar da papelada.
Para começar ligar para a Segurança Social para saber como hei-de começar.
Obrigado pela vossa força!

Cartas a Si disse...

Ser mãe não é só dar à luz. Ser mãe está muito para além dos laços de sangue, é amar e cuidar, é proteger incondicionalmente.

Tenho a certeza que serás uma óptima mãe. Muita força amiga! Vai em frente, luta pelo teu sonho. O teu filho(a) já é tão amado.

Cor de Chá disse...

Epah fiquei mesmo feliz agora :D Força nisso! Bj*

Patricia disse...

Conta-me tudo pf...

bjs

Cidchen disse...

A sério, já não é preciso? Boa notícia!

Depois conta aqui como é que foi na Segurança, o que é preciso ter para a papelada.

É um desejo meu também, de um dia poder adoptar uma criança.

Beijos

Pocahontas na Cidade disse...

Estou a torcer por ti, diz ao Hugo para levar uma t-shirt branca, sorrir muito e deixar a faca em casa :p

c. disse...

Muita força amiga. Sabes que estou a torcer por vocês, desde o primeiro dia!

Catariina disse...

Sabes que te apoio nesta tua decisão :D Quero um priminho, de sangue ou não, será amado e tratado de igual forma :D
Quando houver novidades avisa:d