terça-feira, 20 de julho de 2010

Quando entramos para perder

Há lutas que gosto de entrar para perder.
Podem não imaginar isso em mim pelo que me conhecem (muitos pelo que me lêem) mas algumas lutas em que à partida entro e saiu a perder mas que sei que conseguirei sair com um ar de mistério e talvez aguce a curiosidade a terceiros são lutas em que tenho prazer de entrar.
Hoje, vindo do nada entrei numa dessas!
Aquelas lutas sobre o stress e em que me dizem "vá para casa descansar do dia stressante que teve aqui!", esbocei um sorriso e simplesmente perguntei "Isto é stress? Vê-se mesmo que ainda não viveram!"
E calmamente comecei a fechar a porta do escritório atrás de mim, mas a curiosidade de terceiros ficou aguçada e ainda gritaram "Mas que fazia antes de vir para aqui?"

Resposta? ... "algo stressante!"

1 comentário:

Isália disse...

Pois é miga...nem imaginas as saudades que tenho de falar contigo...isto dos horarios desencontrados ...beijo