quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Desafio

Prontos, lá me mentalizei que tem que ser, respondendo ao desafio da Cláudia aqui vai:


Questão 1: Tens medo de quê?
De ficar sozinha, sem sombra de dúvida! Um dos meus piores pesadelos é que morram todos os que me são queridos e eu fique sozinha. Nunca soube lidar com a solidão, não fui feita para ter um coração vazio.
Questão 2: Tens algum guilty pleasure?
Bolos e bolachas. Nada de cremes e chocolates... é mesmo a massa. Como até cair para o lado!
Questão 3: Farias alguma loucura por amor/amizade?
Claro! Já fiz umas quantas e bem loucas.
Questão 4: Qual o teu maior sonho? Responder paz, amor e felicidade é trapacear;)
Acho que não é  preciso quase escrever, é ser mãe.
Questão 5: Nos momentos de tristeza/abatimento, isolas-te ou preferes colo?
Sou de raivas e de fases. Normalmente primeiro preciso de ter com quem desabafar e depois isolo-me para assimilar.
Questão 6: Entre uma pessoa extrovertida e uma introvertida, qual seria a escolha abstracta?
A extrovertida!
Questão 7: Sentes-te bem na vida, ou há insatisfação além do desejável?
Posso considerar-me uma gaja de sorte. No geral estou bem na vida, as pequenas coisas que me vão irritando são normais, sem elas qual seria o gozo de viver?
Questão 8: Consideras-te mais crítico ou ponderado? Sabendo, contudo, que existem críticas ponderadas.
Sou muito perfeccionista, quer comigo quer com os outros. Fico fula quando não fazem as coisas como deve ser.
Questão 9: Julgas-te impulsivo, de fazer filmes, paciente...? Define-te, de uma forma geral.
Sou paciente até encher o saco. Sou do tipo de ir enchendo, enchendo e depois começar a fazer filmes da melhor maneira de explodir (qual a maneira com mais classe e de fazer mais feridos) e um dia expludo mesmo.
Questão 10: Consegues desejar mal a alguém e, normalmente, concretizar? Sê sincero.
Desejar mal sim, concretizar não! Acho que o destino disso se encarrega ele próprio, e eu tenho um Santo forte.
Questão 11: Contens-te publicamente em manifestações de afecto (abraçar, beijar, rir alto...)?
Muito! Nada de sentimentalismos verdadeiros em frente a quem quer que seja.  Tenho um botão anti-demonstrar-coisas-do-coração, apita o dito!
Questão 12: Qual o teu lado mais acentuado? Orgulho ou teimosia?
Teimosa! Também não é novidade. Neste ponto saiu ao meu pai "eu é que tenho sempre razão e ponto final".
Questão 13: Casamentos homossexuais e direito à adopção?
Para mim tanto me faz, são seres humanos como eu. É algo que nem penso.
Questão 14: O que te faz continuar o blogue?
As pessoas maravilhosas que conheci já através dele, tento sempre fazer com que não se fique somente pela imagem por detrás do ecrã. Sábado vou conhecer mais 2 delas. E claro, desabafar, é algo que preciso tanto como do ar que respiro.
Questão 15: O número de visitas e comentários influencia o teu blogue?
Não!
Questão 16: Na tua blogosfera pessoal e ideal, como seria?
Não seria, é! Acho que tenho uma relação de amizade com todas as pessoas que passam por aqui e que partilham comigo as suas opiniões.
Questão 17: Deviam haver encontros de bloguistas? Caso sim, em que moldes? Caso não, porquê?
Claro! Seria tão giro conhecer assim de uma só vez toda a gente, mas seria muito stressante (estas coisas de conhecer pessoas novas stressam-me e quando stresso não páro de falar) e eu acho que sou cardíaca. Era deprimente morrer num encontro de bloguistas... já estou a fugir ao assunto.
Questão 18: Sabes brincar contigo e rir com quem brinca contigo? Sem ironias.
Isso pergunta-se? Que seria da minha vida se não anda-se sempre a rir? Que seriam das pessoas que morrem de inveja por eu me andar sempre a rir? Tenham pena delas, fogo.
Questão 19: Quais são os teus maiores defeitos?
Para além de ter sempre razão, tenho sempre razão! :)
Questão 20: Em que aspectos te elogiam e/ou achas ter potencialidades e mesmo orgulho nisso?
Pró-activa, saber falar (já me disseram que dava uma boa vendedora) e andar sempre com um riso... nada melhor para agarrar clientes.
Questão 21: Entre uma televisão, um computador e um telemóvel, o que escolherias?
Opções de porcaria, prontos o computador como é óbvio. Uma coisa que eu vivia bem sem era o telemóvel.
Questão 22: Elogias ou guardas para ti?
Depende da pessoa em causa. Mas sou mais de criticar com humor, mesmo que tenham feito a coisa mais maravilhosa à face da terra, eu gozo!
Questão 23: Tens humildade suficiente para te desculpar, sem ser indirectamente?
Yep! Se faço asneira peço desculpa a frio, já assustei umas quantas pessoas.
Questão 24: Consideras-te, de grosso modo, uma pessoa sensível ou pragmática?
Porra, pragmática. Fria que nem pedra e insensível. Só quando estou sozinha a remoer as coisas é que dou para o sentimentalismo porque de resto não há mais cabeça fria e coração ao alto que eu.
Questão 25: Perdoas com facilidade?
Não perdoo!
Questão 26: Qual o teu maior pesadelo ou o que mais te preocupa?
Acho que está muito ligada à 1.ª questão: ficar sozinha.


Agora desafio 5:
Isália
Mónica
Patrícia
Sílvia
Marta

4 comentários:

Sílvia disse...

Ainda estou a mentalizar-me que tenho um desafio tão grande...
Mas eu vou lá...

c.j. disse...

Obrigada!! :p
És tal e qual o que escreveste e é por seres assim que gosto tanto de ti!:)

Pocahontas na Cidade disse...

Afinal de 26 respostas considero-te um bicho ruim sorridente :p

Tinha medo de trabalhar contigo, só de pensar fico a tremer eheheh

E és uma macaca feia, sim... Isso mesmo... Conhecer eu não...

Já não gosto de ti...(resposta nr 14)

Pocahontas na Cidade disse...

Não era afinal... era ao final.. Ups... eheh