quinta-feira, 20 de março de 2008

quero-te não querendo/amo-te não amando

Passas por mim como a brisa marinha
O teu cheiro salgado desperta-me
Não quero morrer aqui neste verde mar
Não quero morrer aqui neste azul céu

Escuto-te por detrás das portas, um sussuro de criança menina em mim.
Quero ver-te mas evito encontrar-te...
Indefinição?
Quero amar-te mas não suporto sentir-te no meu coração!
Sinto o sol a bater na cara e um batimento compassado no peito... espero que voltes um dia.
Não a minha ingenuidade de menina, nem o meu acreditar de moça
Tudo, tudo o que perdi um dia!
Não quero encontrar!
Enterro, escavo, sujo as minhas mãos
Indecisão?
Faço, acredito, choro , perco, acho, grito
Nada mais passa de verbos

Escrevo (te) para que um dia me ouças naquelas palavras que cantei ao vento
Que os teus olhos se cerrem para tudo o que eu faço e nunca vejas a irreverência, a promiscuidade que nunca conheceste e eu nunca que quis mostrar, a alma que sempre escondi, aquela marca abaixo do joelho e acima do tornozelo mesmo ali ao pé daquele sinal em forma de estrela... não tu nunca viste!
Cerra a boca para tudo o que disseste um dia e para tudo o que possas vir a ouvir, nada passa de brisa...
brisa marinha que passa por mim
Não quero morrer aqui neste mar verde
Não quero morrer aqui neste céu azul!

Quero morrer onde tu não estás e que estejas em mim...


a ti que olhas para mim ai do céu

4 comentários:

andie disse...

Quando comecei a ler, começou a soar na minha cabeça a voz da Viviane dos Entre Aspas a cantar...Tens aí uma veia de letrista!Parabéns,Lindo!
E Boa Páscoa!

Gabriela... disse...

Obrigado!
Nunca me tinham dito isso, que eu tenho jeito para histórias de ficção e contos para a criançada já... como prova tenho os prémios lá em casa.
Mas veia de letrista, vou pensar no assunto.
Boa Páscoa

Cor de Chá disse...

Que a luz do Ressuscitado ilumine o teu caminho
e te dê forças para prosseguir. Todas as noites escuras
acabam por ter a sua aurora. Páscoa Feliz! Bjs

Gabriela... disse...

P/ ISABEL,
Muito obrigado espero que tenhas comido muitas amêndoas!
hehehe